Página Inicial
        Notícias
       Fotos
       Diretoria da CBMT
       Agenda
       Links
       Academias Filiadas
       Graduação
       Atletas do Ano
       Vídeos em Destaque
       O Muay-Thai
       História no Brasil
       Ranking Amador
       Ranking Profissional
       Mestres e Professores
       Por que se filiar à CBMT?
       Quem é a CBMT ?
       Regras
       Quadro de Árbitros
       Ouvidoria e STJD
       Licitações
       Nutrição para o atleta
       Wolrd Muay Thai Federation
       English
       Bolsa Atleta
       Contato


Conhecimento e Transparência aos afiliados da CBMT

A Confederação Brasileira de Muay Thai vem por meio desta trazer para o conhecimento e transparência à todos os afiliados da CBMT.

É importante salientar que o Muay Thai não é um esporte olímpico. E por esse motivo não tem direito a receber recursos financeiros do Governo Federal para: o uso das necessidades diárias, gastos particulares, ajuda para atletas ou gastos de qualquer natureza. A CBMT tem conta bancária há mais de 20 anos e jamais recebeu verba do Governo Federal para esses fins.

A CBMT é reconhecida pelo Ministério dos Esportes e conseguiu emplacar algumas conquistas ao longo dos anos, entre elas:

- Um projeto em parceria com o promotor Wallid Ismail em 2008 (R$152.631,30),  

- Um projeto núcleo de base de Muay Thai localizado no Grajaú em 2009 (117.541,00),

- Um projeto social localizado entre a Rocinha e o Parque da Cidade em 2011 (271.806,00),

- O Bolsa atleta em 2013 onde fomos beneficiados em mais de trezentos mil reais. (R$300.000,00)

É importante destacar que todos os projetos acontecem com verbas exatas para as contratações mencionadas no projeto centavo a centavo (pagamento de professores, coordenador, equipamento em número suficiente para um ano ( 12 meses) e impostos sobre todo o valor recebido durante todos os meses. Esses valores são transferidos para uma conta específica do projeto e são transferidas somente para o que foi destinado dentro do projeto. Geralmente 60% do projeto é destinado para recursos humanos envolvidos (Professores e coordenador contratados para receber durante 12 meses de contrato) o restante do recurso é para compra de equipamentos, materiais, pagamento dos impostos. Para que cada projeto aconteça a CBMT teve que entrar com a contrapartida de 30% do valor mencionado.

Os projetos tem como objetivo levar o Muay Thai para localidades carentes onde todos das comunidades e redondezas participam do projeto sem custo, o projeto socializa, leva a confiança ao jovem, ferramenta de inclusão social, desenvolve novos possíveis instrutores e campeões do esporte. Os projetos empregam professores durante 12 meses recebendo de um à dois salários  mensais, e o coordenador do Núcleo recebe um pouco mais.

Para conhecimento dos filiados quando se faz um convênio com o Ministério dos Esportes, todas as compras devem ser realizadas com empresas consideravelmente “grandes” ou que o CNPJ esteja sem restrição, isso não é muito comum com empresas que tenham valores mais atrativos. Não é possível contratar empresas com CNPJ com restrições mesmo que o valor seja consideravelmente mais barato. Por isso os valores de um projeto tem uma tendência a serem maiores, são exigências do ME.

Os recursos do Bolsa Atleta acontecem na mesma forma, ou seja, a entidade não tem acesso a esses valores, uma vez que o atleta consiga atingir a nível internacional às exigências do Bolsa Atleta, ele por ser filiado a CBMT, atleta que participa das competições nacionais e ter atingido as exigências do Bolsa Atleta, o mesmo recebe em torno de vinte e dois mil reais(R$22.000,00)  por um ano de ajuda de custo para se manter treinando.  Essa é mais uma outra conquista da CBMT para os atletas que se dedicam ao nosso esporte.

Para conhecimento dos nossos filiados que ainda tenham duvidas sobre a indicação do Bolsa Atleta. A CBMT não tem poder sobre quem indicar, todos os atletas devem passar pelas exigências que ficam no site oficial do Bolsa Atleta para esportes não olímpicos.

http://www2.esporte.gov.br/snear/bolsaAtleta/prerequisitos.jsp

É importante destacar que a CBMT não pede nenhum percentual para qualquer atleta que já tenha recebido este benefício, mesmo sabendo que algumas entidades fazem esse procedimento, mas a CBMT entende que esse é um beneficio do atleta e não participa desse procedimento.

                                                       Confederação Brasileira de Muay Thai

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 



Fonte: Confederação Brasileira de Muay Thai


Confederação Brasileira de Muay Thai ® - ®Copyright 2007 Todos os direitos reservados.
Site melhor visualizado em resolução 800x600 - 32 bit colors